quarta-feira, 27 de maio de 2009

CACHORRO DE BARBIE

Hoje vim do trajeto do trabalho para casa pensando no que iria “Postar” sempre funciona quando olho uma loja ou um outdoor (quase inexistentes tio Kassab tirou tudo), sem propaganda já sou consumista, melhor assim.

Cheguei em casa completamente árido de idéias quando a minha frente o meu canino veio me receber como faz todas as noites, cheio de alegria e amizade verdadeira, lembrei imediatamente o que já curtimos juntos nesses 7 anos de vidinha comum, aliás uma historinha bem melhor que muito namorado cachorro que passou na minha vida.

Tive uns que foram só sarna para me coçar, aquele tipinho que fareja tudo, toma posse de uma maneira que qualquer um que se aproxime ele começe a rosnar e ameaçar morder, além de tudo começa marcar território e por mais segurança que você inspire estava sempre com a pulga atrás da orelha.

Mas deixando essa história de vira-lata de lado, cachorro de Barbie por obrigação tem que ter porte, já pensou eu passeando com um Affenpinscher, Chihuahua ou Yorkshire? não vou falar ridículo, apenas desproporcional. E por falar em passeio sair com o Enzo (Meu Bull Terrier se chama Enzo) já rendeu boas aproximações no parque, sempre encontramos um rapaz também fortinho desfilando orgulhosamente com seu canino, ai sempre pinta aquela conversa, qual a idade? (o suficiente !) É macho? (posso ser o seu!) Pretende cruzar? (quem segura os dogs) => entendam o exposto anteriormente entre parentes como devaneios da minha mente poluída...

Lógico que quando é mulher e pergunta se morde eu prontamente respondo que ele é meio misógino, geralmente elas não entendem o significado e tudo fica por conta e risco da ignorância da vítima (antes que um grupo de feministas venha soltar os cachorros para cima da minha pessoa, deixo claro que podemos sair e queimar sutiãs juntos, afinal também tenho peito e gosto de homens, e isso foi apenas uma piadinha circunstancial ).

Mas nada haver, meu cachorro não tem o gênio do cão, o Enzo é muito GENTE boa, sou suspeito a falar do meu “dog” simplesmente é a personificação de tudo que gostaria em um namorado humano, é “brancão”, grandão, musculatura definida, traços fortes, voz de trovão, narigudo, protetor e acima de tudo fiel.

5 comentários:

Cauê disse...

Realmente, a companhia de um cão vale mais do que a companhia de muitos namorados![/fikdik]

São fieis, urinam no lugar correto e ainda por cima sabem te agradar. E quando você fala mais alto ele abaixa a orelha.

Boa idéia, flertar usando os cães. Eu não sou barbie mas tenho um dobermann acho que falarei para o rapaz: olha meu cachorro tem tudo o que quero em um cara, ele late[/nãofala], é companheiro[/andanacoleira] e sabe copular como ninguém[/zoofilia]! qqasha moço?! Moço nao corre volta aqui! VEMM BRINCA MOÇO! AHHUAHUAUH!!!

Abração!

RP disse...

hehehe... tenho um Boxer albino... IMENSO!!!
Revolta feminista não dá, neh?!?!?!

maisforteqeu disse...

"meu “dog” simplesmente é a personificação de tudo que gostaria em um namorado humano, é “brancão”, grandão, musculatura definida, traços fortes, voz de trovão, narigudo, protetor e acima de tudo fiel." - concordo em tudo amigo, gosto de homens deste jeito tb, se achar mais do que um... passa o outro pra mim ok!! heheheh

Rodrigo Vieira disse...

Eu tambem quero um bull, mas daqueles de porte menor. Ou um Jack Russell!!!!!!!!
=)

Don disse...

Nos cachorros precisamos de um cuidado especial rs Dom Fernando.